20 de outubro de 2021

STJ afasta governador do Tocantins por suspeita de corrupção e obstrução de investigações

STJ afasta governador do Tocantins por suspeita de corrupção e obstrução de investigações


O Superior Tribunal de Justiça determinou o afastamento do governador do Tocantins, Mauro Carlesse (PSL), pelo período de 6 meses. A decisão é do ministro do STJ, Mauro Luiz Campbell e deve ser avaliada pelo Plenário do tribunal ainda nesta quarta-feira (20).

Carlesse é um dos alvos das operações Éris e Hygea da Polícia Federal, Ministério Público Federal e STJ que investigam a atuação de uma suposta organização criminosa na cúpula do Governo do Tocantins.

Investigações apontaram um suposto pedido de propina envolvendo pagamentos do plano de saúde dos servidores públicos do Tocantins, além de uma suposta obstrução das investigações por parte de membros do governo.

280 policiais federais cumprem 57 mandados de busca e apreensão em vários endereços, entre eles a casa do governador e o Palácio Araguaia, sede do governo estadual.

Com informações do G1/Tocantins

Nenhum comentário:

Postar um comentário

O usuário é responsável pela repercusão do comentário!