16 de novembro de 2017

Maranhense é preso suspeito de estupro à deficiente mental no Pará





Por volta das 10h02min, desta terça-feira (14) uma viatura da PM-PA foi acionada através do NIOP (Núcleo Integrado de Operações) para atender uma ocorrência solicitada pelo cidadão Renato Luís Pinto de Sousa, afirmando que, sua prima sofre de transtornos mentais e estava desaparecida há uma semana de sua residência, localizada na comunidade de São Braz, e que fora encontrada na praia em frente ao Museu João Fona, de Santarém, com um elemento tendo relações sexuais.

A Polícia Militar ao chegar ao local constatou a veracidade da denúncia. Na ocasião, foram abordados e identificados como a suposta vítima Alcione Batista, 32 anos de idade, residente na Comunidade de São Bráz e suspeito Rosinei Carvalho da Silva, de 27 anos de idade, natural de Brejo de Areia/MA, residente na rua Madre Imaculada, N°530, Bairro Santíssimo.

Os dois foram conduzidos até à Delegacia da Mulher (DEAM), onde Rosinei foi apresentado à delegada Andreza Souza Alves, e confirmou que, havia mantido relação sexual com a mulher, na manhã desta terça-feira (14). Alcione, nada relatou, pois não fala em decorrência de sua deficiência mental.

Rosinei será encaminhada à Penitenciária Silvio Hall de Moura, onde aguardará posicionamento da Justiça.

Fonte: RG 15/O Impacto

Nenhum comentário:

Postar um comentário

O usuário é responsável pela repercusão do comentário!