24 de julho de 2013

População do Mutirão sofre com falta d’Água e abandono

O Mearim Net esteve na manhã de hoje (24) num dos principais Bairros de Olho d'Água das Cunhãs. Trate-se do Residencial Primavera (Mutirão), após receber a ligação de um morador, denunciando a falta de água á vários dias no bairro.
Além de constatarmos a veracidade da informação, descobrimos ainda, que os moradores estão sem abastecimento de água, desde o último Sábado (20). Até ai tudo dentro da normalidade, pois problemas acontecem, mais o que espantou nossa equipe foi o estado de abadono. Segundo nos informou o funcionário responsável pelo poço, e vários moradores a razão da “Seca no Mutirão” é somente a chave que liga a bomba.
 
Poço e caixa d'água em estado de abandono
Informaram no local que o funcionário responsável pela manutenção dos poços tirou a “CHAVE” e aguarda a dificílima peça ser comprada em Santa Inês-MA, para resolver o problema da falta de água na comunidade.

Ainda bem, que o problema é somente a “CHAVE” que aciona a bomba, porque se fosse à própria bomba, a comunidade viraria sertão, e seriam necessários no mínimo 4 anos para conserta-la, tendo em vista que uma chave tem deixado a população todos esses dias, sem uma gota d’água.

A Central de Compras do Município através do titular “FELIPÃO” certamente está encarregada de comprar a “CHAVE”, só esperamos que ele se sensibilize com o sofrimento da comunidade, que carrega água em baldes, alguns de grandes distancias.

Um comerciante do bairro mora em frente ao poço, mas carregava água pra casa em garrafas, numa bicicleta de um poço distante, reclamou da falta d'água e afirmou que a última limpeza na caixa d’água aconteceu no início de 2009. 

Indignado outro comerciante conhecido por Cicero do CD clamou pra justiça intervir no problema e desabafou:
“Nenhum desses políticos valem nada, deixar a população morrendo de sede, isso não se faz!”.

No Bairro Sagrado Coração de Jesus os moradores fizeram uma “VAQUINHA” para comprar a bomba de um poço artesiano particular, para amenizar a sede dos vizinhos do Residencial Primavera.

Lamentamos que a população passe por esse tipo de situação, água é um bem essencial para a sobrevivência do ser humano, mas, o próprio povo tem que aprender a cobrar seus direitos, especialmente quando sente na pele a falta de compromisso e responsabilidade de seus governantes.  

O secretário de obras do município, não foi encontrado pra falar sobre o assunto.

Um comentário:

  1. Mostre e solicite urgentemente atuação do administrativo do município, que será fato consumado e resolvido
    , para a alegria do todos..

    ResponderExcluir

O usuário é responsável pela repercusão do comentário!