4 de junho de 2013

Prefeita de Rosário é afastada por improbidade administrativa

Prefeita de Rosário é afastada do cargo pela Câmara Municipal
Os vereadores da cidade de Rosário, distante 67 quilômetros de São Luis, decidiram na noite de segunda-feira (3) pelo afastamento da prefeita Irlahi Linhares (PMDB) por 90 dias. A decisão deve ser publicada nesta terça-feira (4).

Os vereadores argumentam a prática de improbidade administrativa após analisarem denúncias sobre licitações de combustíveis e derivados que apontaram como vencedora uma empresa de familiares da prefeita Irlahi.

A sessão que decidiu pelo afastamento da prefeita Irlahi foi tensa e demorada. Os vereadores começaram a discussão às 18 horas e só chegaram a uma decisão depois de meia-noite. Seis edis votaram a favor do afastamento da prefeita do cargo: Sandro Marinho (PSD) , Jardson Rocha (PP); Francimar Oliveira – Preto (PP);); Ademar do Sindicato (PRP); Jorge do Bingo (PTdoB) e Luis Carlos – kiko (PP). Cinco vereadores votaram contra o afastamento, o vereador Magno Nazar (PRP) não compareceu na sessão e o presidente da Câmara, Léo Cavalcante (PTB) não votou.

Fonte: Louremar

Nenhum comentário:

Postar um comentário

O usuário é responsável pela repercusão do comentário!