8 de dezembro de 2012

Conselheiro Tutelar é preso acusado de estupro: Veja!


A adolescente de 14 anos, com as iniciais M.P.C., foi mantida em cárcere privado amarrada com cordas e correntes com cadeado, ironia do destino, pelo conselheiro tutelar identificado por Raimundo Dragão.

O caso aconteceu nesta quarta-feira(05/12) na cidade de Capitão de Campos-Piauí.

As informações da Polícia Civil de Capitão de Campos, dão conta que, Raimundo teria levado a adolescente até a Delegacia ainda na tarde de quarta-feira (5), e pedido que a polícia ficasse com a guarda da jovem das 13h até as 17h daquele dia, até que uma comissão de Parnaíba passasse por lá para recolhê-la e levá-la até Teresina, já que a mesma vinha causando problemas sociais na cidade e esta seria uma medida protetiva do tomada pelo conselho, segundo a versão do acusado.

“Nenhuma comissão passou para pegar a garota, e somente às 20h ele ligou dizendo que agora ela seria removida para Piripiri. Ele veio acompanhado de outro rapaz chamado Luan em um carro e foram com ela até Piripiri, mas retornaram com a garota para Capitão de Campos”, disse o sargento Seixas.

Dragão teria levado a adolescente até Piripiri onde a mesma seria recebida pela suposta comissão, mas passado tempo e nada de comissão, retornaram à cidade de Capitão de Campos.

A menor relata e o motorista também, que ao chegarem à cidade, Raimundo teria levado a adolescente para uma casa no bairro Vista Alegre, onde a deixou amarrada com cordas e correntes, tendo segundo ela, tocado em seus seios e partes íntimas.

Depois que o conselheiro a deixou sozinha prometendo voltar mais tarde, a adolescente conseguiu se soltar uma das mãos e correu ainda com a corda e a corrente em uma das mãos, até a delegacia, por volta da meia noite, onde denunciou todo o ocorrido ao soldado Marcos.

O conselheiro tutelar Raimundo foi preso em flagrante na manhã desta quinta-feira (6) após ser ouvido pelo promotor Dr. Plínio que determinou ao comandante que o prendesse em flagrante.

“Ela chegou com as cordas em que estava amarrada nas mãos. Convoquei a família dela e todos os conselheiros tutelares para relatar o ocorrido. Raimundo foi preso em flagrante”, relata o militar.

O conselheiro conhecia a garota porque esta já tinha passagem pelo Conselho Tutelar.

O caso foi registrado com a delegada Drª Anamelka, em Piripiri e o acusado agora se encontra preso em na Delegacia de Capitão de Campos e está à disposição da Justiça.

Raimundo disse à reportagem que dará uma entrevista com sua versão sobre o caso em breve.

Fonte: Meio Norte/Capitão de campos

Nenhum comentário:

Postar um comentário

O usuário é responsável pela repercusão do comentário!