21 de abril de 2011

Preço da gasolina no Maranhão é o segundo mais caro do país


Todos no mesmo caminho, amargando a mesma conta: a do combustível caro. E o congestionamento do feriadão piora tudo. Haja dinheiro para encher o tanque.

O preço da gasolina na Bahia é o mais alto do Brasil. Em média R$ 2,92 e é o interior que puxa esta média para cima. Em Barreiras, uma cidade da região oeste, o litro chega a R$ 3,10.

Os maranhenses pagam – em média R$ 2,90 pelo litro da gasolina. É o segundo maior valor do país. Mas se o motorista maranhense não pesquisar, vai pagar bem mais caro.

Em alguns postos de São Luís, o litro da gasolina é vendido a R$ 2,94. O Ministério Público Estadual investiga a existência de cartel e a prática ilegal no tabelamento de preços em postos de combustível no Estado.

Segundo o MP, a investigação sobre cartel em postos termina no fim deste mês.

CARTEL

No final de março, o relatório da Agência Nacional do Petróleo (ANP), sobre o aumento no preço da gasolina vendida nos postos de São Luís, constatou indícios de cartel no mercado local. A análise feita pela agência foi encaminhada ao Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade) e Secretaria de Direito Econômico (SDE) do Ministério da Justiça.

O presidente do Sindicato dos Revendedores de Combustíveis do Maranhão, Dileno Tavares, discordou do relatório da ANP.

Dileno relacionou o aumento à chamada lei de mercado, em que um posto não quer perder os clientes para o outro posto e, por isto, acaba igualando seus preços ao do concorrente, para não perder mercado.

Com informações do Jornal O Globo.
Fonte: Luís Cardoso

Nenhum comentário:

Postar um comentário

O usuário é responsável pela repercusão do comentário!