21 de janeiro de 2011

População de Olho d’Água das Cunhãs receberá viaturas da PM-MA

Uma boa notícia para a comunidade de Olho D´Água das Cunhãs. A Polícia Militar do Maranhão garantiu nesta segunda-feira, dia 17, durante audiência com o promotor de justiça Fernando Berniz, apoiada pela Associação do Ministério Público do Estado do Maranhão (AMPEM), com a presença do prefeito da cidade, José Alberto, do presidente da Câmara, Vicente Paulo Barros, e demais membros representantes do município que a cidade receberá uma viatura da Polícia na próxima segunda-feira e uma motocicleta para rondas na cidade no mês de março. A população se ressentia da falta desse tipo de serviço, levando o representante do MP juntamente com a AMPEM a discutirem o problema durante o encontro.
A garantia de que os veículos serão encaminhados para o município foi dada pelo próprio comandante da PM do Maranhão, Coronel Franklin Pacheco, que classificou como positivo encontro desta segunda-feira.”O nosso objetivo é o manter sempre o diálogo com a sociedade e tentar resolver os problemas”, afirmou. O comandante reconheceu que há dificuldades em todo o estado, mas que a Polícia Militar está empenhada em resolver cada situação.
O promotor de justiça, Fernando Berniz, disse que nos últimos 12 meses o número de crimes contra o patrimônio (furtos e roubos) aumentou quase 80% na cidade de Olho D´Água das Cunhãs razão pela qual ele tomou a iniciativa de solicitar a audiência com o Comando da PM. De acordo com o promotor, o carro atualmente utilizado como viatura no município é alugado pela prefeitura e não dispõe de condições para o trabalho. “A situação é realmente preocupante, mas estamos saindo dessa audiência com uma boa notícia”, disse.
A presidente da AMPEM, Doracy Moreira Reis, também disse ter ficado satisfeita com o resultado da audiência. “Saímos desse encontro com soluções concretas e isso é importante para garantir a segurança da população de Olho D´Água das Cunhãs”, afirmou. O gerente do Banco do Brasil na cidade, Raimundo Nonato Passinho Costa, disse que o apoio do promotor e da AMPEM foi fundamental para que fosse alcançado um resultado mais rápido. Ele relatou que a falta de segurança no município é bastante preocupante. 


Fonte: AMPEM
Colaboração: Rondinele Leite

Nenhum comentário:

Postar um comentário

O usuário é responsável pela repercusão do comentário!