8 de novembro de 2010

PM de Bacabal é assassinado a pauladas em Paulo Ramos-MA

Cabo Carvalho, PM morto em Paulo Ramos
Por volta das três horas da madrugada deste domingo (7), o cabo Edivaldo Carvalho, do 15º Batalhão de Polícia Militar de Bacabal, foi assassinado de forma bárbara em Paulo Ramos - MA. Ele estava de folga e trafegava em sua moto quando foi atacado na rua por dois meliantes que tomaram sua arma e o golpearam com pauladas. Devido aos ferimentos serem principalmente na cabeça, o policial não resistiu e morreu.
Edivaldo (foto) morava em Bacabal e fora destacado para prestar serviço em Paulo Ramos. O corpo foi levado para Bacabal e velado na sua residência, na Rua Virgílio Parma.

Logo após realizarem o crime, os dois fugiram para o sítio de um tio no povoado Lata em Lago da Pedra. Ao descobrir que tinham cometido um crime, o tio não permitiu que ficassem mais lá. Foi aí que eles decidiram ir para Lago do Junco.

Acusado de assassinar o PM
Ao tomar conhecimento do fato, o 15º BPM enviou reforço para Paulo Ramos com o objetivo de capturar o outro acusado. Sob o comando do Capitão Fábio Aurélio, auxiliado por policiais do serviço velado, a polícia conseguiu prender os dois acusados enquanto iam para Lago do Junco. Um deles é o D.M.F. - Ele é menor, 16 anos. Como a lei protege os menores que cometem crimes, não é possível divulgar o nome completo e muito menos a foto. O outro é Danilo de Sousa Araújo (foto) de 18 anos, que já tem várias passagens pela polícia. Ele foi encontrado com a arma do policial assassinado.

Daniel disse que foi em legítima defesa. Segundo ele, ao trafegarem de moto se chocaram com o policial, que também estava de moto. Quando o policial caiu, os dois o atacaram de pau, com medo que o policial revidasse. Segundo os dois, o policial os havia ameaçado antes.

A polícia também teve acesso às imagens do circuito de TV do Posto Gadelha. As imagens mostram o policial conversando com o vigia minutos antes de ser morto e logo em seguida os assassinos passando devagar de moto. Logo depois os dois passam novamente em alta velocidade. Os dois foram presos com as mesmas roupas que estavam usando no momento das imagens. No local do crime a polícia também encontrou um par de chinelos e um pé de tênis. A mãe do menor confirmou que os chinelos eram dele.

Os dois bandidos confessaram o crime e foram trazidos para a Delegacia do 1º Distrito Policial de Bacabal onde estão presos e a disposição da Justiça.

Fonte: Castro Digital

Um comentário:

  1. O Blog está de parabéns pelas postagens, pra mim que sou de ODC mais que moro fora, é uma forma de ficar atualizado com as noticias da minha cidade e região. Valeu pelas notícias e continue assim. Parabéns.!

    ResponderExcluir

O usuário é responsável pela repercusão do comentário!